Eu voo

Sabem quando a vida nos tira o chão? E quando achamos que só podemos deixar-nos cair no abismo, e sem sabermos como, aprendemos a voar?
Sabem aquela sensação de termos tudo para não acordar mas que se lixe, se já perdi está perdido, portanto não perco mais, só posso ganhar?
Sabem?
Eu sei 😉


Sabem quando fechamos os olhos e sentimos o abraço da escuridão completamente negra e percebemos que não é no escuro que está o mal, que o abraço é o que é: um carinho. Que mesmo os monstros das histórias infantis são feios por fora mas bonitos por dentro?
Sabem?
Eu sei 😉


Sabem quando a carga que carregamos deixa de fazer sentido porque amanhã é outro dia e não é por não conseguirmos carregar, é porque não queremos. E lá no fundo sabemos, que temos que ser leves, pois sendo leves podemos voar?
Sabem?
Eu sei 😉


E eu voo. E tu, voas?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s